Dante Martorano

                    Considerado pelo respeitável historiador Prof. Dr. Walter Piazza, como o “melhor” biógrafo de José Arthur Boiteux, Dante Martorano  teve uma vida cultural muito rica e intensa. Advogado, pesquisador do Direito, ensaísta, cronista e historiador, aplicava-se integralmente em suas atividades de pesquisa e de exercício jurídico. Na sua face de historiador, sem descuidar da visão multidisciplinar que incluía o jurídico, além da biografia de Boiteux, pesquisou e muito escreveu, com detalhes e momentos de ineditismo, sobre a Guerra do Contestado, seus personagens, as injustiças nela cometidas,e a violência de seus primeiros tempos. Juntamente com os Professores Acácio Garibaldi S. Thiago e Nilson Borges Filho dedicou-se ao estudo criticamente responsável sobre a “Disciplina Estudo de Problemas Brasileiros na UFSC”, publicado em 1981. Mas, sem dúvida, a sua grande projeção na vida jurídica deu-se mercê de seu profundo conhecimento sobre o Municipalismo, seja como movimento federalista seja como concepção jurídico-política, traduzida em livro clássico sobre o tema intitulado “Direito Municipal”. Foi Membro Efetivo do Instituto dos Advogados de Santa Catarina-IASC- atuando sempre em favor da advocacia e do resgate da memória jurídica catarinense.